sábado, 8 de junho de 2013

Salmos 23:6b - E HABITAREI NA CASA DO SENHOR PARA TODO O SEMPRE


Resultado de imagem para e habitarei na casa do senhor

Esse artigo é parte da série "O Senhor é Meu Pastor do Salmo 23" e é muito recomendável que o leitor procure conhecer todos os aspectos das verdades contidas nesse Salmo, com aplicações para os nossos dias. No final do artigo você encontrará uma lista de todos os artigos dessa série. 

Introdução

• O salmo 23 inicia com uma afirmativa categórica: o SENHOR é o meu pastor.

• De modo semelhante, o salmo termina com outra afirmação do mesmo tipo: Habitarei na casa do SENHOR para todo o sempre.

• O comentário final é o de uma ovelha que:

 Está plenamente satisfeita com a vida que tem.

 Está contente com o cuidado que recebe.

 Está tão feliz com o pastor que tem, que não tem o menor desejo para modificar a situação.

• É como se a ovelha estivesse dizendo: Não existe nada que me fará deixar esse lugar maravilhoso.

• É como alguém que diz: os laços que nos unem são tão fortes que, na verdade, são eternos.

• Assim o Salmista pode de fato dizer:

E HABITAREI NA CASA DO SENHOR PARA TODO O SEMPRE

I. Habitarei

• O verbo hebraico יַשַׁב - `ashab - tem os seguintes significados possíveis: habitar, permanecer, assentar, morar.

• Ou seja, o mesmo transmite a ideia de permanência. Também, não é para menos:

 Depois de ser conduzida para pastos verdejantes e águas tranquilas.

 De ser conduzida por vales escuros e trilhas montanhosas.

 Depois de alcançar as “mesas” nos topos das montanhas.

 Depois de receber todo o cuidado necessário para se ver livre dos incômodos parasitas.

 Depois de se sentir plenamente cuidada e satisfeita, então...

 Não devemos ficar admirados que a ovelha deseje permanecer nesse ambiente para todo o sempre.

• No Novo Testamento, como sabemos, nós temos privilégios ainda maiores:

 Primeiro nós temos a vinda do próprio Deus na pessoa de Jesus Cristo – ver João 1:14.

 Depois nós temos a vinda do Espírito Santo como o Consolador, que veio substituir a presença do Senhor entre seus discípulos.

 Por fim temos o surgimento da Igreja, esse ambiente onde estamos completamente ligados a Jesus Cristo e uns aos outros de um modo que, simplesmente, não pode ser destruído.

 A Vida, a Morte, a Ressurreição e Ascensão de Jesus aos céus, a Vinda do Espírito Santo e o surgimento da Igreja são eventos tais que o apóstolo Pedro se referiu à vida cristã nesses termos: graça e paz vos sejam multiplicadas, no pleno conhecimento de Deus e de Jesus, nosso Senhor. Visto como, pelo seu divino poder, nos têm sido doadas todas as coisas que conduzem à vida e à piedade, pelo conhecimento completo daquele que nos chamou para a sua própria glória e virtude, pelas quais nos têm sido doadas as suas preciosas e mui grandes promessas, para que por elas vos torneis co-participantes da natureza divina, livrando-vos da corrupção das paixões que há no mundo – 2 Pedro 1:2—3.

• Como podemos ver, nós temos motivos maiores ainda, para desejar permanecer com Deus, Seu Filho, com o Espírito Santo e com os irmãos.

II. Casa do SENHOR

• Existem duas interpretações possíveis para essa expressão.

A. O Tabernáculo ou o Templo em Jerusalém

• Davi não pode construir o Templo em Jerusalém porque havia derramado muito sangue – ver 1 Crônicas 28:3.

• O Templo foi construído por Salomão, filho e herdeiro de Davi – ver 2 Crônicas 28:6.

• Mas Salomão não era bobo. Apesar de toda aquela riqueza investida na construção do Templo – ouro, prata, bronze, cedros, pinheiros, pedras lavradas etc – nem por um instante, ele tinha a ilusão de que Deus, de fato, poderia habitar um lugar como aquele –

2 Crônicas 6:18

Mas, de fato, habitaria Deus com os homens na terra? Eis que os céus e até o céu dos céus não te podem conter, quanto menos esta casa que eu edifiquei.

 Não! Deus não habita em casas feitas por mãos humanas

Atos 7:48—49

48  Entretanto, não habita o Altíssimo em casas feitas por mãos humanas; como diz o profeta:

49  O céu é o meu trono, e a terra, o estrado dos meus pés; que casa me edificareis, diz o Senhor, ou qual é o lugar do meu repouso?

• É possível que Davi também estivesse usando a expressão “casa” no sentido de família ou rebanho sob os cuidados do Bom Pastor.


O Lugar de Habitação de Deus é dentro dos seres humanos

B. O Lugar da Habitação ou a Casa de Deus no Novo Testamento.

• No Novo Testamento nós sabemos, definitivamente, que o Templo no qual Deus habita, não tem nada a ver com nenhum tipo de construção, nem mesmo o Vaticano em Roma, nem a Catedral Presbiteriana no Rio de Janeiro.

• De fato todas as “igrejonas”, velhas ou novas, estão mais preocupadas com seus edifícios físicos do que com o povo. Que horror! Que vergonha! Está nos documentos desse pessoal que, havendo qualquer tipo de cisão entre o povo e a liderança da “igrejona”, o povo pode ir embora, mais o patrimônio permanece todo de posse da instituição. Isso é o mesmo que confessar onde, de fato, está o coração deles. E todos nós sabemos que não é possível servir a dois senhores simultaneamente

Lucas 16:13

Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de aborrecer-se de um e amar ao outro ou se devotará a um e desprezará ao outro. Não podeis servir a Deus e às riquezas.

Que façam bom proveito de todas suas propriedades.

• Deixando a ilusão humana de lado, vamos aprender o que a Bíblia ensina acerca da verdadeira casa de Deus:

 É uma casa espiritual, edificada sobre o fundamento dos profetas e dos apóstolos, cuja pedra angular é o próprio Senhor Jesus, que cresce para santuário dedicado ao Senhor. Nesse edifício, cada cristão verdadeiro, membro da família de Deus, é edificado para a habitação de Deus no Espírito – ver Efésios 2:19—22.

 O apóstolo Pedro diz que nós somos como pedras que vivem ou pedras vivas, que estamos sendo edificados em uma casa espiritual – ver 1 Pedro 2:5.

 Além disso, nós mesmos, somos santuários do Espírito Santo

1 Coríntios 6:19

Acaso, não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que está em vós, o qual tendes da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos?


Símbolo do Infinito

III. Para Todo o Sempre

• Sabemos que a vida eterna é um estado que reflete nosso relacionamento com Deus, o Pai e o Filho Jesus Cristo, através do Espírito Santo que habita em nós.

• A vida eterna não diz tanto respeito a um lugar e sim a um estado de comunhão profunda e íntima com o Senhor. Ela é fruto do conhecimento

João 17:3

E a vida eterna é esta: que te conheçam a ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste.

• Como Davi, nós sabemos que, tendo iniciado nossa comunhão com Deus aqui, a mesma irá se estender por toda a eternidade ou para todo o sempre.

Conclusão:

1. Como vimos, Deus nos tem dado tudo o que precisamos para viver a vida cristã de modo digno e satisfatório. Sua provisão deve nos motivar a abandonarmos a mediocridade representada pelas nossas vidas, e nos propulsionar para frente com firmeza e determinação.

2. Deus fez sua parte e espera que nós façamos a nossa. Veja o que Pedro diz na continuação dos versos – 2 Pedro 1:2—4 - que comentamos no corpo do sermão:

Por isso mesmo, vós, reunindo toda a vossa diligência, associai com a vossa fé a virtude; com a virtude, o conhecimento; com o conhecimento, o domínio próprio; com o domínio próprio, a perseverança; com a perseverança, a piedade; com a piedade, a fraternidade; com a fraternidade, o amor. Porque estas coisas, existindo em vós e em vós aumentando, fazem com que não sejais nem inativos, nem infrutuosos no pleno conhecimento de nosso Senhor Jesus Cristo. Pois aquele a quem estas coisas não estão presentes é cego, vendo só o que está perto, esquecido da purificação dos seus pecados de outrora. Por isso, irmãos, procurai, com diligência cada vez maior, confirmar a vossa vocação e eleição; porquanto, procedendo assim, não tropeçareis em tempo algum. Pois desta maneira é que vos será amplamente suprida a entrada no reino eterno de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

• Diligência - fazer com toda diligência, interessar-se com muita seriedade.

• Fé – decisão de crer em Deus e em Sua Palavra, independente das circunstâncias ao redor.

• Virtude - uma conduta virtuosa de pensamento, sentimento e ação.

• Conhecimento - Sabedoria moral, tal como é vista em uma vida correta.

• Domínio próprio - auto controle. A virtude de alguém que domina seus desejos e paixões, especialmente, seus apetites sensuais.

• Perseverança - estabilidade, constância, tolerância. No Novo Testamento caracteriza a pessoa que não se desvia de seu propósito e de sua lealdade à fé e piedade, mesmo diante das maiores provações e sofrimentos.

• Piedade – Reverência, respeito e fidelidade a Deus.

• Fraternidade - No Novo Testamento é o amor que cristãos cultivam uns pelos outros como irmãos.

• Amor – decisão de fazer algo por alguém independente da pessoa merecer ou não. O amor precisa ser incondicional.

3. Muitos dos que se dizem evangélicos nesses nossos dias, entendem a vida cristã apenas como uma apólice de seguro contra fogo. Nunca a entenderam como um relacionamento com Deus e com outros cristãos.

4. Estes, quando chegarem na presença de Jesus terão que ouvir aquelas terríveis palavras:

Então, lhes direi explicitamente: nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, os que praticais a iniquidade - Mateus 7:23.

5. Chegamos ao final da nossa exposição do Salmo 23. Como pudemos ver, o Salmista tinha muito no que se ufanar pelos cuidados do seu Pastor. Nós, como cristãos, todavia, temos muito mais ainda no que nos regozijar, porque os privilégios derramados sobre nós, pelo nosso Bom Pastor, são sem medida e sem limites, muito maiores. São realmente extravagantes:

Efésios 1:8.

Que Deus derramou abundantemente sobre nós em toda a sabedoria e prudência,

6. Que Deus ajude a todos nós, a fazermos no dia de hoje, o melhor do privilégio que temos de:

 Sermos ovelhas do Seu Pastoreio.

 Conhecê-Lo no tempo e na eternidade.

 Estarmos sendo edificados em casa espiritual, no qual o próprio Deus ira habitar.

 Sermos habitados pela presença gloriosa do Espírito Santo.

OUTROS ESTUDOS DESSA SÉRIE PODEM SER ENCONTRADOS NOS LINKS ABAIXO:

001 – O SENHOR É O MEU PASTOR =

002 – NADA ME FALTARÁ =

003 – ELE ME FAZ REPOUSAR =

004 — AGUAS DE DESCANSO =

005 – REFRIGERA-ME A ALMA

006 – GUIA-ME PELAS VEREDAS DA JUSTIÇA

007 – AINDA QUE EU ANDE PELO VALE DA SOMBRA DA MORTE

008 — O TEU BORDÃO E O TEU CAJADO ME CONSOLAM

009 — PREPARAS-ME UMA MESA NA PRESENÇA DOS MEUS ADVERSÁRIOS

010 — UNGES-ME A CABEÇA COM ÓLEO

011 — O MEU CÁLICE TRANSBORDA

012 — BONDADE E MISERICÓRDIA CERTAMENTE ME SEGUIRÃO TODOS OS DIAS DA MIMHA VIDA

013 — E HBITAREI NA CASA DO SENHOR PARA TODO O SEMPRE

Que Deus abençoe a todos.

Alexandros Meimaridis 

PS. Pedimos a todos os nossos leitores que puderem que “curtam” nossa página no facebook através do seguinte link:


Desde já agradecemos a todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário