sexta-feira, 8 de junho de 2012

SILAS MALAFAIA MENTE PARA A REVISTA VEJA



Numa foto com ar de “bom moço”, segurando uma Bíblia e exibindo seu novo visual, o falso pastor, falso mestre e falso profeta Silas Malafaia concedeu uma entrevista mentirosa para a também mentirosa revista VEJA em sua edição 2272 com data de 6 de junho de 2012.

De forma arrogante, prepotente e hipócrita Silas pretende falar em nome de todos os evangélicos, incentivado pelas perguntas do entrevistador, o Sr. Pedro Dias Leite. Como acontece a maioria das vezes com VEJA, seus jornalistas não fazem a lição de casa. O entrevistador de Silas nas palavras de abertura da entrevista diz que o Silas é vice presidente da CIMEB – Conselho Interdenominacional de Ministros Evangélicos do Brasil – como se essa instituição tivesse qualquer relevância para o evangelicalismo brasileiro e até mesmo para a pregação do genuíno Evangelho. O autor nos diz que a tal da associação conta com cerca de 8.500 associados. Tudo isso tem a intenção de indicar para os leitores da revista, que o entrevistado é alguém que merece aparecer em suas notórias páginas amarelas.

Não passou despercebido, todavia, ao entrevistador que o pretenso seguidor de Jesus, ostentava em um de seus pulsos um relógio da marca Rolex de ouro – preferido por 10 entre 10 bandidos e ladrões que existem no país.

Se distanciando cada vez mais da verdade do Evangelho – que o ser humano é pecador e que precisa de arrependimento e de um Salvador, e procurando ser o mais politicamente correto possível para não ofender os leitores da revista, Silas afirma o seguinte: “As igrejas evangélicas têm pregado uma mensagem de grande utilidade para a vida das pessoas também depois do culto”. Note que em nenhum momento ele faz qualquer referência à pregação do verdadeiro Evangelho. Depois prossegue e admite que sua pregação é uma manipulação condicionadora e intencional ao dizer: “Nós pregamos uma mensagem que condiciona a prática no seu dia a dia”. Nada é dito sobre o anúncio da condição humana – perdido – nem da necessidade de arrependimento e de um Salvador Pessoal. Tudo se resume a um condicionamento psicológico. Até mesmo a citação que faz de Jesus visa apenas corroborar sua posição e entendimento acerca daquilo que a Bíblia ensina, que não passa nem perto, daquilo que a Bíblia realmente ensina conforme demonstramos em artigos anteriores que podem ser lidos nos links a seguir:



Insistindo em ser politicamente correto falso mestre que é, Silas se derrama em elogios aos carismáticos católicos indicando claramente que se trata tudo da mesma coisa. Nada é dito acerca da centralidade de Maria nos cultos carismáticos católicos e das abominações representadas pela adoração de imagens e até mesmo do biscoito de água e farinha como se fosse o próprio Deus. Para os leitores que tiverem interesse em conhecer mais sobre essas questões sugerimos a leituras dos seguintes artigos do blog:




A seguir Silas mente ao dizer que católicos, quando são perguntados “quando foi a última vez que você foi à Igreja”, costumam responder que isso aconteceu há vinte anos quando fez a primeira comunhão. Exageros à parte, o Silas está acostumado a mentir assim mesmo. É parte de sua fibra mentir todas as vezes que seus lábios se movem.

Por várias vezes o Silas tem se queixado na TV de algo que ele alega como preconceito contra o povo evangélico. Dessa vez não foi diferente. Ao perguntar sobre “ofertas” o Silas caiu, imediatamente, na defensiva e repetiu a malhada frase que: “Existe um preconceito miserável em ralação aos evangélicos, que costumam ser descritos como bando de idiotas, tapados, semianalfabetos e manipulados por espertalhões dedicados a arrancarem tudo o que querem deles”. Para justificar sua tolice, o Silas afirma que na igreja dele – é dele mesmo, não é de Jesus – “Na minha igreja tem pobre, mas também tem desembargadores, membros do ministério público, doutores, empresários”. Me desculpem, mas tenho que perguntar: o quê, exatamente isso prova? Prova apenas que a superstição e a ignorância não é privilégio dos pobres.

Silas diz que existe uma distância enorme entre ele o Bispo Edir Macedo da Universal. Ora isso não passa de hipocrisia explícita de um indivíduo sujo querendo parecer melhor do que outro mal lavado. Farisaísmo puro do mais alto grau, já que são tudo farinha do mesmo saco, exceto a verdadeira distância que existe entre a fortuna pessoal do Edir e a do Silas.

É incrível, mas depois de mais de 30 anos alegadamente pregando o Evangelho da Graça de Deus, o Silas ainda seja capaz de afirmar tolices como essa verdadeira pérola: “Estou construindo uma igreja linda, com ar condicionado central, ao custo de quatro milhões de reais. Ele ainda sequer entendeu duas verdade fundamentais da Palavra de Deus:

Primeiro que a expressão IGREJA no Novo Testamento nuca se aplica a qualquer tipo de construção. IGREJA no Novo Testamento faz referência exclusiva ao povo de Deus, às pessoas. Para todos os que desejarem aprender a verdade neo testamentária acerca do termo κκλησία - ekklissía – Igreja, recomendamos a leitura dos seguintes links:



Segundo que, mesmo que esteja construindo um belo templo, ainda assim sua situação não é nem um pouco melhor, porque a Bíblia é bem clara quanto ao fato de que Deus NÃO HABITA EM TEMPLOS CONSTRUÍDOS POR MÃOS HUMANAS. Isso podemos ver tanto no Antigo quanto no Novo Testamento:

Em 1 Reis 8:27, o rei Saul ao fazer a oração de consagração do suntuoso Templo que construiu em Jerusalém, admite o seguinte:

Mas, na verdade, habitaria Deus na terra? Eis que os céus, e até o céu dos céus, não te poderiam conter, quanto menos esta casa que eu tenho edificado.

Em Atos 7:48-49, Estevão ao confrontar os hipócritas judeus diz:

Mas o Altíssimo não habita em templos feitos por mãos de homens, como diz o profeta:

O céu é o meu trono, E a terra o estrado dos meus pés. Que casa me edificareis? diz o Senhor, Ou qual é o lugar do meu repouso? 

E Paulo em Atos 17:24-25 ao confrontar os incrédulos e idólatras gregos diz:

O Deus que fez o mundo e tudo que nele há, sendo Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens;

Nem tampouco é servido por mãos de homens, como que necessitando de alguma coisa; pois ele mesmo é quem dá a todos a vida, e a respiração, e todas as coisas.


Por todos esses motivos o Sr. Silas Malafaia está redondamente enganado e ensinando uma mentira, o que não é novidade.

Mas algum leitor desavisado e mal informado poderia perguntar: então Sr. Escritor, se Deus não habita em templos construídos por mãos humanas, onde é que ele habita? A resposta é simples: DEUS HABITA DENTRO DO SEU POVO, conforme nos ensina o apóstolo Paulo em 1 Coríntios 6:19-20

Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?

Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus. 

Cremos que esses versos são suficientes.

Malafaia também cita uma divindade estranha que não existe a qual ele chama de Jeová. Ora esse nome Jeová não se encontra em nenhum lugar no original hebraico. Ele é, na realidade, a combinação das consoantes que representam o nome do DEUS ETERNO – YHVH – traduzido por SENHOR na Almeida Revista e Atualizada, com as vogais acrescentadas pelo massoretas, por volta do ano 1000 d. C.  ao nome de Deus – ADONAI – que é traduzido por Senhor na versão de Almeida Revista e Atualizada. No texto hebraico produzido pelos massoretas, para evitar que os judeus lessem o nome inefável de Deus, correndo o risco de transgredir contra o terceiro mandamento – ver Êxodo 20:7 – os massoretas uniram as consoantes do nome inefável com as vogais do nome Adonai o que fazia os leitores pronunciarem sempre a palavra como Adonai. Foram pessoas ignorantes e mal informadas que começaram a ler a combinação das consoantes de um nome com as vogais de outros e inventaram esse tal de Jeová! Esse nome não passa de uma mistificação, pois tal divindade não existe. Mas o Silas exibindo toda a ignorância que lhe é peculiar insiste em usar tal nome. E depois ainda tem fã e adoradores do Silas que me mandam estudar mais. Ora, vão todos vocês e o ídolo de você pentear macacos.

Malafaia também trabalha com um reducionismo que além de exibir sua ignorância é realmente criminoso. Ele reduz o glorioso Evangelho de Jesus Cristo a uns poucos vícios sociais atrelados ao fumo, a bebidas, drogas e prostituição. Mas não fala nenhuma palavra acerca das graves injustiças sociais, da pobreza, da miséria, da falta de atendimento médico etc., das quais são vítimas a vasta maioria do povo brasileiro, Como disse Jesus:

Mateus 23:23

Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas.

Ao falar dos patrões o Silas evita ofendê-lo dizendo o seguinte: “O livro sagrado adverte os patrões de que existe uma força superior a eles, um poder que não permite que façam, qualquer coisa”. Pronto, simples assim, como num passe de mágica nosso ilusionista ytansforma o Deus Todo Poderoso ETERNO E PESSOAL em apenas uma força superior ou poder superior aos homens. Que vergonha! Mas veja o que a Bíblia diz acerca disso:

Efésios 6:9

E vós, senhores, fazei o mesmo para com eles, deixando as ameaças, sabendo também que o Senhor deles e vosso está no céu, e que para com ele não há acepção de pessoas.

 Colossenses 4:1

Vós, senhores, fazei o que for de justiça e equidade a vossos servos, sabendo que também tendes um Senhor nos céus.




Note bem caro leitor, o Novo Testamento não deixa barato: existe um Senhor – Deus Pessoal – e não uma força ou poder cego que mais se parece com o carma indiano. Para os que quiserem entender a diferença entre o Deus Pessoal e Pai Amoroso e carma indiano sugerimos a leitura da série a seguir que pode ser encontra aqui mesmo nos blog – ELEIÇÃO X DETERMINISMO CEGO – cujas partes podem ser acessadas aqui:




Silas insiste em promover a insidiosa e falsa doutrina da Teologia da Prosperidade em flagrante contradição quanto ao que a Bíblia ensina.

Considere, por favor, as seguintes passagens:

Lucas 12:15-32

15 Então, lhes recomendou: Tende cuidado e guardai-vos de toda e qualquer avareza; porque a vida de um homem não consiste na abundância dos bens que ele possui.

16 E lhes proferiu ainda uma parábola, dizendo: O campo de um homem rico produziu com abundância.

17 E arrazoava consigo mesmo, dizendo: Que farei, pois não tenho onde recolher os meus frutos?

18 E disse: Farei isto: destruirei os meus celeiros, reconstruí-los-ei maiores e aí recolherei todo o meu produto e todos os meus bens.

19 Então, direi à minha alma: tens em depósito muitos bens para muitos anos; descansa, come, bebe e regala-te.

20 Mas Deus lhe disse: Louco, esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será?

21 Assim é o que entesoura para si mesmo e não é rico para com Deus.

22 A seguir, dirigiu-se Jesus a seus discípulos, dizendo: Por isso, eu vos advirto: não andeis ansiosos pela vossa vida, quanto ao que haveis de comer, nem pelo vosso corpo, quanto ao que haveis de vestir.

23 Porque a vida é mais do que o alimento, e o corpo, mais do que as vestes.

24 Observai os corvos, os quais não semeiam, nem ceifam, não têm despensa nem celeiros; todavia, Deus os sustenta. Quanto mais valeis do que as aves!

25 Qual de vós, por ansioso que esteja, pode acrescentar um côvado ao curso da sua vida?

26 Se, portanto, nada podeis fazer quanto às coisas mínimas, por que andais ansiosos pelas outras?

27 Observai os lírios; eles não fiam, nem tecem. Eu, contudo, vos afirmo que nem Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles.

28 Ora, se Deus veste assim a erva que hoje está no campo e amanhã é lançada no forno, quanto mais tratando-se de vós, homens de pequena fé!

29 Não andeis, pois, a indagar o que haveis de comer ou beber e não vos entregueis a inquietações.

30 Porque os gentios de todo o mundo é que procuram estas coisas; mas vosso Pai sabe que necessitais delas.

31 Buscai, antes de tudo, o seu reino, e estas coisas vos serão acrescentadas.

32 Não temais, ó pequenino rebanho; porque vosso Pai se agradou em dar-vos o seu reino.

1 Timóteo 6:3-10

3 Se alguém ensina outra doutrina e não concorda com as sãs palavras de nosso Senhor Jesus Cristo e com o ensino segundo a piedade,

4 é enfatuado, nada entende, mas tem mania por questões e contendas de palavras, de que nascem inveja, provocação, difamações, suspeitas malignas,

5 altercações sem fim, por homens cuja mente é pervertida e privados da verdade, supondo que a piedade é fonte de lucro.

6 De fato, grande fonte de lucro é a piedade com o contentamento.

7 Porque nada temos trazido para o mundo, nem coisa alguma podemos levar dele.

8 Tendo sustento e com que nos vestir, estejamos contentes.

9 Ora, os que querem ficar ricos caem em tentação, e cilada, e em muitas concupiscências insensatas e perniciosas, as quais afogam os homens na ruína e perdição.

10 Porque o amor do dinheiro é raiz de todos os males; e alguns, nessa cobiça, se desviaram da fé e a si mesmos se atormentaram com muitas dores.

1 Timóteo 6:17-19

17 Exorta aos ricos do presente século que não sejam orgulhosos, nem depositem a sua esperança na instabilidade da riqueza, mas em Deus, que tudo nos proporciona ricamente para nosso aprazimento;

18 que pratiquem o bem, sejam ricos de boas obras, generosos em dar e prontos a repartir;

19 que acumulem para si mesmos tesouros, sólido fundamento para o futuro, a fim de se apoderarem da verdadeira vida.

Além de não chamar Deus pelo seu nome próprio, Silas também se recusa a chamar o Diabo pelo nome referindo-se a ele, de forma eufemística, de senhor do mal, título esse que não encontramos nas páginas da Bíblia. O Diabo não é senhor de absolutamente nada. Ao chamá-lo senhor, o Mala concede ao Diabo um status que o mesmo não possui dando a entender que ele é, de alguma forma, comparável ao verdadeiro Único Senhor que existe em todo universo.

Silas não admite que os críticos dos evangélicos os chamem de idiotas. Todavia, ele não tem nenhum pudor em chamar de “IDIOTAS” os que se negam a acreditar na Teologia da prosperidade. Que o leitor releia os textos acima e veja quem é o verdadeiro idiota!

Sem negar suas verdadeiras intenções – montar um verdadeiro império religioso – Silas declara que já conta com 120 templos e que pretende chegar a 5.000 em dez anos. Haja gente disposta a se deixar enganar pelo falso mestre.

Silas afirma que sua igreja arrecadou 20 milhões de reais em 2011. Mas essa informação não foi auditada por alguma empresa independente.

Depois ele afirma que paga salários que variam de  R$ 4.000 a 22.000 mil dependendo da função e do tempo dedicado. Também essa informação não pode ser confirmada por fontes independentes.

Quando o entrevistador pergunta se ele está rico? Silas alista alguns de seus bens entremeadas das mentiras de praxe:

  • Ele afirma que tem uma casa no Recreio dos Bandeirantes avaliada em 2,5 milhões de reais.


  • Alega ter alguns apartamentos, mas não diz quantos. Segundo outras fontes Silas possui inúmeros imóveis na cidade do Rio de Janeiro.


  • Silas também diz que possui uma casa em Boca Raton na Flórida local apropriado para um verdadeiro ratão. Quanto a essa casa Silas não menciona o valor mas apenas o prazo de 30 anos para pagar.


  • Alegar ter ganho de presente uma Mercedez Benz blindada de um parceiro, não especificado. Pergunto, por que um pastor precisaria de um carro blindado a menos que não confie em Deus?


  • Depois, com maior cara de pau diz que comprou um jatinho executivo pelo qual pagou apenas US$ 3 milhões. Nosso descarado mentiroso sonega do verdadeiro valor pago 75%, já que o mesmo lhe custou, segundo sua própria boca grande numa igreja da Flórida a o preços de uma galinha morta: US$ 12.000,00 quanto o mesmo valia US$ 16.000,00. Ver notícia da época da compra aqui:



Que o leitor acostumado a sustentar sacripantas como esse, se conscientize do que realmente acontece com as ofertas que envia para eles, na esperança de que o Evangelho da Graça seja pregado a toda criatura.

E tudo isso pertence a um homem que se diz discípulo de Jesus Cristo, alguém que não tinha nada para chamar de seu mesmo, nem sequer uma pedra onde reclinar sua cabeça. Além disso, o Silas disse que o implante de cabelos que fez custou apenas R$ 20.000,00, mas também não apresentou nenhum recibo.

E assim vai, esse pobre e infeliz homem aproveitando seus breves momentos de glória, porque muitas amarguras terá que curtir quando comparecer do Deus da Verdade e que ama a verdade. Deus ama, aquele que anda com inteireza, e faz o que é justo, E fala verdade no seu coração – Salmos 15:2. Infelizmente esse não é o caso do falso pastor, falso mestre e falso profeta Silas Malafaia.



OUTROS ARTIGOS ACERCA DO SILAS MALAFAIA












































Que Deus abençoe a todos.

Alexandros Meiamridis
 
PS. Pedimos a todos os nossos leitores que puderem que “curtam” nossa página no facebook através do seguinte link:


Desde já agradecemos a todos.

2 comentários:

  1. http://www.youtube.com/watch?v=KlujWXcRIHE&list=UUHss76ubuK1H_0gPeMccu9g&index=1&feature=plcp
    ________________________________________________
    Será que podemos confiar no homem?
    Romanos 16
    17
    E rogo-vos, irmãos, que noteis os que promovem dissensões e escândalos contra a doutrina que aprendestes; desviai-vos deles.
    18
    Porque os tais não servem a nosso Senhor Jesus Cristo, mas ao seu ventre; e com suaves palavras e lisonjas enganam os corações dos simples.

    Marcio Da Silva Gomes
    mdsg@zipmail.com.br

    Que DEUS em nome de JESUS CRISTO abra olhos daqueles que realmente tem um compromisso sincero com Evangelho do Reino eu creio amém.

    Um abraço irmão Alex.

    ResponderExcluir
  2. Caro Márcio,

    Obrigado pelas palavras de incentivo e pelo vídeo que compartilhou no início.

    Que Deus continue te abençoando e ajudando você a ajudar outros.

    Abraço,

    irmão Alex

    ResponderExcluir